terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Coluna nº6 - Hospital de Biguaçu, saúde, futebol e política - Veja alguns temas da semana



Hospital Regional de Biguaçu
O último hospital inaugurado na grande Florianópolis foi em 1987. Desde lá, a população cresceu 228,61% e nenhum outro hospital público foi aberto para atender toda a nova demanda. Agora, depois de 04 anos de atraso, finalmente o Hospital Regional de Biguaçu tem inauguração prevista para janeiro de 2015. “Detalhe”: ainda estão pendentes as contratações de funcionários. É muito descaso com a saúde!

Hospital Regional de Biguaçu II
Apesar de construído com dinheiro público, o hospital foi entregue a uma organização privada, que lucrará nada mais nada menos do que 3,15 milhões por mês somente para administrar o hospital. Será que os governos do estado e do município não conseguiriam fazer uma administração decente sem gastar esse dinheiro com uma empresa privada?

Presidente da Câmara
Depois de ter seu antigo presidente acusado de corrupção pela polícia federal na operação Ave de Rapina, a Câmara de Vereadores de Florianópolis escolheu seu novo presidente. O eleito foi Erádio Gonçalves, que, acreditem ou não, é do PSD, mesmo partido do presidente anterior. Nem isso o PSD perdeu: continua com a presidência da câmara, mesmo depois de comprovadamente envolvido com crimes de corrupção. 

Novela da ponte
Mais adiamentos na execução das obras de restauração da ponte Hercílio Luz. Agora foi a empreiteira que estava sendo contratada pelo estado, que no último momento desistiu de assinar o contrato. É um escândalo que depois de mais de 30 anos em obras, com mais de 200 milhões de gastos, essa reforma ainda esteja muito longe de ser concluída. Será que algum dia saberemos dos esquemas de corrupção que devem ter acompanhado essa obra de mais de 30 anos?

Acorrentados
Foi preciso que trabalhadores dos Correios da região de Florianópolis se acorrentassem nas grades em frente ao COA (Centro Operacional e Administrativo), para conseguirem ser atendidos pela direção da empresa. O protesto é para impedir que a direção dos Correios continue a assediar moralmente seus trabalhadores.

Serie A
O final de semana não podia ser melhor para o futebol catarinense. Ter quatro clubes na serie A, além de nos encher de alegria, vai permitir que os que gostam do esporte possam assistir a grandes jogos no próximo ano. Só esperamos que o preço dos ingressos sejam compatíveis com os salários dos trabalhadores daqui...

Triste vice-liderança
Se comemoramos no futebol, sendo o segundo estado com mais times na série A, outra vice-liderança nos entristece e causa preocupação. Dados divulgados pelo DIVE-SC (Diretoria Vigilância Epidemiológica),  demonstram que somos o segundo estado com mais detecção de novos casos de AIDS. O estado também tem a quarta maior taxa de óbitos pela doença no país. O crescimento de novas contaminações, principalmente entre os jovens, tem se dado principalmente pelo abandono dos governos das campanhas sistemáticas de esclarecimento e prevenção. 

Policia para quem precisa
60 policiais militares, 15 policiais da cavalaria, 30 agentes da tropa de choque e o helicóptero Águia, participaram de uma operação no município de Porto Belo. Tudo isso para destruir 73 casas, bastante simples, que eram habitadas por 250 moradores. Causa ainda mais indignação o fato de que esse tipo de ação acontece em um dos municípios que mais sofrem com invasão de suas áreas públicas e de preservação feitas por ricos proprietários que nunca são incomodados pela justiça, muito menos pela polícia. 

Muito estranho
A nota publicada no blog do jornalista Moacir Pereira é bastante inusitada: “Operação Lava Jato está movimentado o mercado imobiliário de Santa Catarina. Diretores de fundos de pensão, temendo novas ações da Polícia Federal e bloqueios da Justiça Federal estão tentando adquirir imóveis no Vale do Itajaí. Para quem acompanha a movimentação, em ritmo de urgência, pura tentativa de lavagem de dinheiro." Esperamos saber melhor de quem se trata, afinal é o nosso dinheiro que está sendo desviado. Se há tentativa de lavagem de dinheiro com aquisição de imóveis no estado, isso deve ser investigado imediatamente, 

Pérola da semana
"só sobram dois no PP" 
Declaração do doleiro Alberto Youssef sobre o partido da “família Amin”, acusando-o de ser o criador do esquema de corrupção na Petrobras, depois também encampado também pelo PT e PMDB. 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou dessa matéria? Deixe seu comentario.